A origem do alfabeto hebraico

Já teve curiosidade em entender da onde vem o hebraico? Como surgiu esse alfabeto tão único? Vem com a gente que você vai entender tudo! É realmente uma história fascinante!


Influência geográfica


Para começarmos a entender a historia da língua hebraica, precisamos entender a sua localização geográfica.



Localizada entre a Mesopotâmia e o Egito, entendemos que tais civilizações tiveram grande influência na formação da língua canaanita, que posteriormente veio a se tornar a língua hebraica.


As escavações e a origem da língua hebraica:





No final do século 19 foi encontrado, no deserto do sinal, um templo para uma deusa egípcia chamada Atur. Lá, os arqueólogos encontraram uma placa com hieróglifos e entenderam que esses eram diferentes daqueles encontrados no Egito.


Pouco tempo depois, na mesma escavação foi encontrada uma pequena esfinge com os mesmos hieróglifos diferentes. A partir disso o arqueólogo, Alan Gardiner, decifra os sinais como o ínicio da escrita canaanita, onde cada sinal simbolizava um som. Os responsáveis por espalhar a escrita canaanita foram os fenícios, os grandes mercadores da época. Acredita-se que a escrita foi criada por escravos egípcios, por ser uma maneira mais fácil de se comunicar e adorar os deuses da época.




O hebraico mais próximo do que conhecemos hoje vem da época do exílio da Babilônia, onde a tribo de Judá viveu e preservou sua cultura. Os povos ao redor da Babilônia influenciaram os hebreus em todos os aspectos culturais, incluindo a língua. Foi nesse contexto que o alfabeto hebraico se modificou. Passa-se a usar o alfabeto aramaico, e é justamente esse o alfabeto hebraico que usamos até os dias de hoje.

0 views0 comments

Certificado Reconhecido pelo Museu Judaico do Rio de Janeiro

Escreva, pergunte, proponha e se

aconselhe conosco em:

contato@hebraicosimples.com

  • Facebook
  • Instagram Social Icon
  • YouTube

Copyright 2020 © Todos os direitos reservados - Hebraico Simples o jeito mais simples de aprender hebraico.